Herói

  Quando se é professor e, como eu, não se é crítico de cinema, nem literário, tem-se, imagino, a impressão de que obrigamos nossos alunos assistirem certos filmes ou lerem determinados livros. A parte da obrigação é verdade, obviamente, mesmo que a disfarcemos em planos de ensino e propostas pedagógicas. (Embora, é claro, ninguém impeça aos alunos […]